Select Menu


Vereadores apuram denúncias de irregularidades

Parlamentares visitam famílias investigando irregularidades na seleção de Moradores dos conjuntos habitacionais Esmeralda, Turmalina e Topázio

Os vereadores Carlos Kifer e Toni Coelho, que integram a CPI das casinhas, e funcionários da Câmara Municipal de Itaguaí realizaram, na quarta-feira (30), uma diligência nos condomínios habitacionais Esmeralda, Turmalina e Topázio, no Chaperó. De acordo com vereador Carlos Kifer, durante a visita os parlamentares conversaram com algumas famílias tentando obter provas relativas às denúncias de irregularidades na seleção dos beneficiados com a casa própria.

Carlos Kifer disse que chegou a conversar com 40 famílias sobre os critérios adotados para a seleção dos moradores e a orientação sobre o programa da Caixa Econômica Federal.
“A primeira conclusão a que chegamos é que as pessoas não foram devidamente informadas. Elas não sabem de que programa fazem parte, como foram contempladas e até mesmo em relação ao contrato de compra e venda que existe entre elas e a Caixa” informou Carlos Kifer.

O vereador disse que a próxima etapa do trabalho da CPI é ouvir as autoridades municipais. Ele assegurou ainda que vai apurar denúncia segundo a qual o terreno onde foram construídas as casas pertencia a outro proprietário, e não ao município. “Uma das contrapartidas da Prefeitura de Itaguaí no convênio com Caixa seria o terreno, mas estamos apurando. A gente espera que depois de ouvido pelo menos um secretário municipal e o dito proprietário do terreno, a gente possa ter pelo menos o primeiro relatório prévio da CPI”, ressaltou.

O parlamentar disse que no momento ainda não é possível saber se haverá outras diligências, pois ainda faltam informações a serem prestadas pela prefeitura e pela Caixa. Ele avalia que esses dados serão importantíssimos para a conclusão do relatório. “O resultado vai depender do comparecimento das pessoas convocadas. Acredito que em 20 dias a gente já tenha essa CPI bastante adiantada. O nosso interesse é concluir os trabalhos o mais rápido possível. Se acharmos que a denúncia tem fundamento, deveremos encaminhar o relatório ao Ministério Público, caso contrário, a gente pede o arquivamento”, concluiu Carlos Kifer.

Capelas vão ganhar ar-condicionado e portas blindex

O prefeito de Itaguaí, Carlo Busatto Junior enviou ofício à Câmara Municipal, lido na sessão de quinta-feira (31), dando sinal verde à indicação do vereador Nisan César, que pleiteou a instalação de ar condicionado e portas blindex nas capelas do município. No ofício em que comunica a iniciativa, o prefeito Charlinho registra ainda que também foi incluído no cronograma de obras o conserto dos telhados das capelas.

Na justificativa para o pedido, Nisan argumentava que as pessoas ficam velando seus entes queridos muita das vezes sem nenhuma condição de segurança e conforto.
“Com o coração cheio de alegria recebo pela primeira vez, em sete anos como vereador, uma resposta de um pedido de obras tendo o prefeito Charlinho à frente do Executivo” ressaltou Nisan.

Para o vereador Nisan César, a iniciativa do prefeito Charlinho é de uma relação civilizada, democrática, constitucional e de respeito com o Legislativo. “Espero que este singelo pedaço de papel signifique um novo tempo de amadurecimento entre a relação do Executivo e o Legislativo” declarou.

6 comentários:

  1. Parabéns aos dois: Nisan e Charlinho. Precisamos dar mais dignidade e segurança as pessoas que passam por esse sofrimento.
    É necessário colocar também umas poltronas naquele corredor e criar uma sala para a família descansar.

    ResponderExcluir
  2. Fico feliz que alguém olhou para a capela. Muito obrigado ele conseguiu ganhar 1 ponto.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns aos tres: Benedito, Nisan e Charlinho. Cada um faz um pouco ,quem ganha e a população ,um reforma ,G-7.outros indicam,um obedece .

    ResponderExcluir
  4. Meu nome é Suellen,moradora da Ponte Preta,perdi meu filho e senti na pele o q é passar a noite na capela,graças a Deus,olharam o sofrimento das familias q precisam passar a noite na capela,agradeço ao prefeito Charlinho e aos vereadores por essa iniciativa.

    ResponderExcluir
  5. Meu nome é Maria Odete conhecida como Doca de Chapero,minha vizinha trabalha na escola Maria Guilhermina, comentou com os vizinhos sobre as rachaduras q existem na escola,minha sobrinha estuda nessa escola,qd será q a direção suspenderá as aulas até q seja apurado por tecnicos competentes esse problema.Espero q nosso prefeito ,vereadores cuidem com carinho desse sério problema.

    ResponderExcluir
  6. A aprovação dar pra desconfiar ser for do mesmo jeito que é feito nas escolas do município é muito simples R$ 800,00 aluguel mês de cada aparelho ( quer prova vai no ciep da Ponte Preta), cada sala tem dois mesmo com esse valor vivem quebrados.

    Tá explicado aprovação rápida.

    ResponderExcluir

 
Top